10 Tipos de pênis, pau, pinto, piroca, neca, rôla, odara diferentes: Qual é o seu?


No mundo gay, muito se especula e se fala sobre o dote dos boys, bofes, carinhas que ficamos, estamos afim, que são nossos crushes. Esse artigo é bacana pois mostra alguns tipos de pênis e suas singularidades. É lógico que existem mais que 10, mas confira esses que creio que sejam os mais comuns.

Pênis Bastão


É um pênis grande, do tipo exagerado. Lembra até um bastão de baseball. É pesado e imponente, podendo ser de moderado a extremamente longo. Em geral, (lembrando que toda regra há uma exceção), há dois tipos de reações a esse pênis: extremo prazer ou extrema dor. Homens com pênis bastão mostram-se autoconfiantes devido ao tamanho do amigão, mas também enfrentam situações constrangedoras quando têm uma ereção inesperada em público ou mesmo durante a relação sexual. Até o sexo oral torna-se difícil devido ao tamanho desse pênis, que em média atinge os 22cm. O maior pênis do mundo tem 48cm e um dono com uma vida sexual super caída.

Pênis Bumerangue
É aquele pênis que faz uma curva para a direita ou para a esquerda. Geralmente as mulheres têm dúvidas sobre o sexo com um homem de pênis bumerangue. “Ele só consegue fazer de um lado? As posições devem ser limitadíssimas!”. Nada disso, meninas! Lembrem-se que o cara com esse tipo de dote nasceu assim, portanto, ele saberá como usá-lo. Caberá a vocês encontrar as melhores posições para encaixes prazerosos! Alerta: se a curvatura do seu parceiro for grande (cerca de 90 graus) ele pode ter uma doença chamada Peyronie, que impede que o pênis fique ereto. Neste caso, o recomendável é procurar um médico.

Pênis Encapuzado

Quando o homem tem uma espécie de capuz na glande (cabeça do pênis), ou seja, sem aquela aparência de cogumelo, é porque ele não foi circuncisado quando era bebê. A operação consiste no corte do prepúcio (a tal pelinha). A cirurgia é comum em vários países e, imposta em algumas culturas como judaica e mulçumana. Há mulheres que relatam um prazer intenso devido à pele ao redor da cabeça do pênis, como um “algo a mais” para se esfregar. Outras, contam que tiveram dificuldade para interagir com o parceiro, principalmente na hora do sexo oral. Há homens não-circuncisados que sentem dor intensa durante a transa e acabam recorrendo a cirurgia na fase adulta. Outros, vivem normalmente com o dito-cujo guardadinho no capuz. Importante: Uma pesquisa da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore (EUA) revelou que homens que não são circuncisados têm oito vezes mais chances de contrair o vírus da Aids.

Pênis Beringela


É o pênis que tem uma base fina e a ponta, chamada glande, bem grossa. A principal questão sobre o pênis beringela deve-se ao sexo oral. A diferenciação de tamanho ao longo do pênis exige habilidade para uma performance sem incidentes que prejudicam o parceiro, como mordidas indesejáveis.

Pênis Cenoura

É o oposto do beringela, ou seja, tem uma ponta fina e uma base grossa. A relação sexual com um homem de pênis cenoura pode ser bem interessante para algumas mulheres, já que a penetração torna-se mais intensa quando o parceiro introduz toda a extensão do pênis na vagina.

Pênis Grand Canyon

Alguns homens têm o pênis com veias mais à mostra do que outros. É a espessura da pele que provoca essa diferenciação. O pênis Grand Canyon é aquele com pele mais fina e mais rugosidades. Quando excitado, as veias ficam ainda mais evidentes. Isso tem a ver com o fluxo sanguíneo, que ajuda o pênis a ficar ereto.

Pênis Cogumelo

É um pênis menor do que a média, que segundo um estudo do BJU International é de 13,24 cm quando ereto. O pênis cogumelo além de ser pequeno possui uma glande (cabeça) avantajada, lembrando de fato um pequeno cogumelo. A maioria dos homens possui uma sensibilidade prazerosa logo abaixo dessa glande. Eles agradecem quando as parceiras se dedicam à essa área durante o sexo oral ou mesmo durante a estimulação manual.

Pênis Ovo de Páscoa

Mais comum em homens acima do peso, esse pênis fica quase que escondido em meio ao excesso de gordura. Ele parece estar preso no “ninho”, é pequeno e precisa ser explorado para a descoberta do prazer. Geralmente, a penetração por trás é a que dá mais satisfação ao casal.

Pênis Baguete

É um pênis fino e longo. Homens com esse perfil devem contar sempre com uma dose extra de lubrificação para evitar lesões durante a transa. A sorte do pênis baguete é a flexibilidade vaginal da mulher, que pode aumentar de largura e profundidade, garantindo uma boa aceitação deste formato de pênis. Se o seu parceiro tem esse formato, os exercícios de pompoarismo podem incrementar ainda mais o prazer de vocês.

Pênis Indeciso

É o pênis com a curvatura iniciada para um dos lados, mas que termina para o outro. É também chamado de parafuso ou “S”. Assim como os nascidos com o pênis bumerangue, os homens dotados deste tipo de pênis desenvolveram ao longo do tempo uma habilidade peculiar para guiar sua ferramenta. O casal deve INVESTIR em posições na qual o homem se favoreça da curvatura de modo a tocar o ponto G da parceira.